Por onde começar uma reforma residencial

Compartilhe com seus amigos

Por onde começar uma reforma residencial

Leia este artigo e saiba por onde começar uma reforma residencial 

A reforma da sua casa é um momento especial, afinal, trata-se de um período muito importante, que representa uma melhora no ambiente da residência e, consequentemente, no bem-estar.

Por onde começar uma reforma residencial

Contudo, antes de chegar ao resultado final da reforma, existem etapas a serem seguidas.

A principal etapa é, sem dúvida, a primeira. E é aí que surge uma recorrente questão: por onde começar uma reforma residencial?

De forma simples e direta, uma reforma deve começar com um bom planejamento. Não adianta pensar no resultado final, onde vai colocar seus móveis, que materiais usar, se não planejar com antecedência a reforma.

Então, explicaremos quais são as etapas principais dentro do planejamento da sua reforma residencial, começando pelo orçamento, uma das etapas primordiais para o bom andamento da obra.

Orçamento

O orçamento é a principal etapa dentro do processo de planejamento, é através dele que você saberá quanto pode desembolsar durante a obra. Por exemplo, que tipo de obra realizará, quais cômodos pode reformar e muito mais. Portanto, decida o valor exato, a fim de saber que materiais comprar e quanto ficará a mão de obra.

Por onde começar uma reforma residencial

Lembre-se: não cometa loucuras, organize-se sempre de acordo com a sua realidade financeira. Não há necessidade de gastar mais que o necessário.

Realize, também, um orçamento com a equipe de mão de obra. É vital saber quanto custará o processo da reforma.

Vamos a outro exemplo, suponhamos que seu orçamento total é de 10 mil reais, se a mão de obra for 3 mil, sobra 7 mil para gastar com materiais, imprevistos e outros serviços relacionados à reforma.

Tempo

Antes de começar uma reforma residencial, saber quanto tempo durará a obra é importante para os moradores. Imagine que você esteja reformando o banheiro, é essencial saber quanto tempo ele ficará indisponível para uso.

Portanto, converse com o responsável pela obra, geralmente o pedreiro ou a empresa contratada, e pergunte a respeito. É sempre bom evitar problemas.

Consulte os preços

Pesquise os preços dos materiais. É recomendável consultar várias lojas, de modo a encontrar uma casa de construção que oferece um valor mais acessível.

Se você deseja um piso em cerâmica, não tenha dúvidas, pesquise antes de chegar a uma decisão. Se a economia for grande, quem sabe não dê para aumentar a reforma. Economia é sempre bem-vinda, não é mesmo.

Imprevistos acontecem

Por onde começar uma reforma residencial
Por onde começar uma reforma residencial?

Tenha em mente que, ao realizar uma reforma, existe a possibilidade de imprevistos surgirem. Saiba que antecipar eventuais imprevistos e empecilhos também faz parte do processo de planejamento da sua obra.

Vamos contextualizar: suponhamos que você resolveu trocar o piso e pintar a parede do seu quarto, contudo, durante a reforma, a empresa que você contratou identificou uma rachadura na parede, ocasionada por uma infiltração.

Nesse caso específico, não há como pintá-la, é preciso resolver o problema da infiltração antes.

Por isso, é vital destinar uma parte da sua verba para os imprevistos. Pode haver a necessidade de repor materiais, como tinta, cimento, pincéis. Nenhuma reforma tem um valor definido e permanece com ele até o fim. Há sempre alterações no orçamento, por menor que sejam. Portanto, previne-se.

Reforme com tranquilidade

Seguindo as etapas citadas, sua obra com certeza ficará descomplicada e a recorrente questão “por onde começar uma reforma residencial”, não será mais um problema. Tudo ocorrerá naturalmente e sem dores de cabeça.

Conteúdo desenvolvido pela Agência Sense

 


Compartilhe com seus amigos

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *